Blog

5 Dicas Para Ajudar o Seu Filho a Desenvolver a Autonomia

caminho_agosto_23-26

Compartilhar em:

Desenvolver a autonomia da criança é fundamental para que ela possa alcançar a sua independência.

Pensando nisso, desenvolvemos esse texto com 5 dicas que irão ajudar você  a desenvolver essa qualidade tão importante no seu filho. Vamos lá!

1- Respeite a opinião dos seus filhos

A autonomia em casa promove a autonomia das crianças entre os amigos. As crianças devem ter um espaço na relação e no diálogo com os pais, para dar a sua opinião, para expressar a sua falta de acordo, a sua negação a alguma situação. As crianças precisam aprender a defender-se e a contar com o apoio dos pais. Não impeça que o seu filho diga o que pensa ou que argumente. É importante que você o escute.

2- Estimule seu filho a brincar com outras crianças

A criança, que ficara muito centrada em si mesma até então, começa a abrir-se pouco a pouco para o mundo. Descobre a vida fora de casa e sua imaginação é enriquecida pelos modelos mais variados. Também aprende que existe outras crianças, aproxima-se delas e quer brincar.

Seu universo se amplia e a cativa cada vez mais. Já não está mais interessada apenas em si mesma e em seu relacionamento pessoal com os objetos, mas começa a integrar outras crianças em sua atividade lúdica, a procurar participar, a dialogar com elas.
Antes dos três anos a criança sabe demonstrar preferência por algum colega, que pode transformar-se em seu melhor amigo. Essas primeiras amizades infantis são intensas e muitas vezes duráveis.

3- Ajude-o a aprender com a família

Em casa, a família pode complementar e reforçar as atividades que estão sendo realizadas na escola. Um sugestão é conversar com a criança sobre o seu tempo de infância (brincadeiras, passeios, músicas que costumava cantar, histórias divertidas de família), para que ela conheça a sua história de vida. Outra sugestão interessante é deixar de vez em quando, que a criança ajude a decidir sobre algum assunto que envolva a família, como por exemplo fazer um passeio no domingo, que cor de roupa usar, sugestão de cardápio para almoço, entre outros, essa participação reforça os laços familiares e a noção de responsabilidade.

Fonte: Livro: Conversa em família – Arnaldo Rodrigues

4- Incentive a autonomia da criança

Incentivar a autonomia da criança desde cedo é uma ação muito legal, desde que não represente nenhum perigo. Uma dica interessante, é deixar que a criança faça aquilo que ela já consegue fazer sozinha: alimentar-se, arrumar os brinquedos, pentear o cabelo, escovar os dentes, entre outras tarefas. Embora às vezes seja mais prático o adulto fazer por ela, a autonomia é uma conquista importante para a criança.

Fonte: Livro: Conversa em família – Arnaldo Rodrigues

5- Atribua responsabilidades para ele

É importante deixar que a criança cuide de alguma tarefa simples na casa e, assim, aprenda a assumir responsabilidades. Por exemplo: juntar os brinquedos antes de ir dormir. Esse momento é uma oportunidade para repassar com a criança o nome das cores: “Onde você vai guardar a bola vermelha”? E fazer comparações: “Veja se não é melhor colocar o carrinho menor naquela caixa azul”. Também observar as quantidade: “Sobraram dois brinquedos ali”.

Fonte: Livro: Conversa em família – Arnaldo Rodrigues

E aí, gostou das dicas? Se gostou compartilhe para que mais pais possam ajudar seus filhos a crescer com autonomia!

Diante de tanta dificuldade e tristeza no cenário atual do Rio Grande do Sul, a Caminho Rede de Ensino coloca em prática o projeto “Uma colcha para cobrir o mundo” para promover a solidariedade e a empatia. O projeto traz contação de história
Em relação à alfabetização no processo ensino-aprendizagem é importante destacar as ideias que sustentam os estudos de Jean Piaget. Nessa teoria, o desenvolvimento intelectual é considerado como tendo dois componentes: o cognitivo e o afetivo.
A Caminho Rede de Ensino será sede da etapa regional do First Lego League Explore, uma competição de robótica destinada para equipes com estudantes de 6 a 10 anos. Essa é uma das categorias do FLL (First Lego League)