Ensino

Turno Inverso

A Caminho possui o melhor  Turno Inverso da cidade, atendendo do Maternal 2 ao 8º ano. Essa modalidade de ensino complementa a aprendizagem, reforça os conteúdos do Curricular e proporciona diversas atividades aos estudantes nos laboratórios e espaços da escola. Por isso, diariamente, os estudantes utilizam os laboratórios de Informática, Sala Apple, Espaço Maker, Laboratório de Robótica e Educação Tecnológica da Caminho.

Os estudantes do Turno Inverso possuem o CLIC (Clube de Línguas da Caminho) para ensino de Língua Inglesa através do material didático da Macmillan Education, uma das melhores plataformas do mundo. Além disso, também contamos com o JEPP (Jovens Empreendedores Primeiros Passos), em parceria com o Sebrae, que trabalha com aulas e oficinas práticas sobre conceitos de empreendedorismo e mundo dos negócios.

O Turno Inverso trabalha a formação integral do estudante, com atendimento nos 12 meses do ano, Clube de Férias de Verão e Inverno, cinco refeições diárias, horário estendido e modalidade de ensino inovadora e atrativa. Nossa missão é proporcionar experiências que sejam tanto lúdicas quanto educativas aos estudantes.

No Turno Inverso da Rede Caminho, a diversão anda junto com o aprendizado. Estamos aqui para impulsionar o crescimento das crianças e guiá-las em uma jornada de descobertas.

Nossos alunos saem preparados para serem protagonistas de suas escolhas

Tudo para o melhor aprendizado de nossos alunos.

Confira também

Blog

Confira o nosso conteúdo e novidades sobre a Caminho.

Os integrantes da Tecnoway, equipe de robótica da Caminho Rede de Ensino, se preparam para embarcar para Brasília na próxima semana. A equipe participará da etapa nacional do Torneio SESI de Robótica
Uma alimentação saudável é importante não só para prevenir problemas de saúde e ficar tranquilo com o espelho. Ela também interfere no desenvolvimento de várias habilidades do seu filho.
A Caminho esteve presente e recebeu o reconhecimento pelas mãos da nossa diretora-presidente, Maristela Chiappin, e das funcionárias Fernanda Chiappin e Katiane Paim